2012/01/20

Sobre provas de amor.
Uma das rapariga contava, entediada, que um ex-namorado lhe costumava ligar a meio da noite para lhe dizer "acordei para dizer que te amo". Elas riam! Outra dizia que achava ridículo quando os namorados a tratavam por "bebé". Mais riam! A terceira não gostava de "casalinhos" de mão dada na rua. E riam, desalmadamente, desapaixonadas, insensíveis e sem muita paixão para dar!
Como me olhariam se lhes dissesse que tenho namorado, que o trato por "bebé", por "lindo", por "príncipe"... que gosto de ser acordado a meio da noite com declarações de amor, que adoro jantar à luz de velas no skype, e que me surpreendam na campainha da porta...
Quase que, retoricamemte lhes perguntei se seria por isso que continuavam sem homem (de que tanto se lamentam).
Talvez os homens estejam mesmo mais sensíveis (e mais gays, graças a Deus) e ,se calhar, por falta de mulheres como antigamente (porque eu tenho ideia que elas não eram assim).
Provas de amor, ao som de Inside of love (Nada Surf).

29 comentários:

  1. Homens e Mulheres evoluíram nos últimos tempos, mas tenho lá minhas dúvidas se as mulheres fizeram bom uso da liberdade...

    Muitas assumiram o pior e mais preconceituoso comportamento normalmente atribuído aos homens...

    As vezes dá saudades daquelas mulheres que apesar de fortes, adoram se fazer de frágeis para que possamos ter a chance de cuidar delas... ;-)

    Em tempo... sou um fã de Fernando Pessoa, adoro os textos, agora mesmo estou com um livro sobre ele como companhia para uma viagem...

    ResponderEliminar
  2. Nossa... se eu tivesse alguém que me tratasse assim... “lindo, príncipe”... beijos inesperados na madrugada, jantarzinho romântico (e, olha que eu sei cozinhar muito bem)... eu daria tudo: casa/comida/roupa lavada e assistência médica gratuita (kkkkkkkk).

    Tem mais desse tipo por aí?

    Você deve ter razão quanto às mulheres... mas até entendo, depois de séculos, parece que elas aprenderam como não se deve ser... espelhos do “velho homem” insensível (que necessariamente não precisa ser gay).

    Abraços

    ResponderEliminar
  3. para um homem assim eu dou muito mais do que o Cesinha prometeu ... rs

    ResponderEliminar
  4. Aí vai depender do gosto, né! Como eu ainda me sinto um tanto formal por aqui, achei melhor não ficar falando das "outras coisas" que eu poderia dar... coisas boas e contundentes, se é que me entendem (kkkkkkk).

    ResponderEliminar
  5. Dizes muito bem, 'desapaixonadas e insensíveis'. E se ficarem sem homem ou namorado melhor, assim não se estragam duas casa ;)

    ResponderEliminar
  6. Creio que houve uma "mudança" de valores nesta última década. Os rapazes estão mais "virgens", elas antes pelo contrário estão mais "oferecidas"...

    Enfim, onde posso encontrar um gajo que acorde ao meio da noite, para me dizer que me ama???????

    Abraço

    P.S - No meu "GPSgay" não me indica um gajo nas proximidades. lol

    ResponderEliminar
  7. Na intimidade todas gostam dessas coisas... todos gostamos.

    ResponderEliminar
  8. Eu posso não ter um amor de "proximidade", mas sou um sortudo nessas coisas: quase preciso escrever um livro com tudo o que o Déjan já me chamou (carinhosamente, é evidente) mas o curioso é que são palavras inventadas...mas lindas.
    E também nos acordamos a meio da noite, sim...e fazemos e dizemos coisas "lindas" no MSN.
    A isso chama-se amor, pode ser piegas, mas é amor!

    ResponderEliminar
  9. @Latinha
    Talvez sejam mesmo sinais dos tempos.

    ResponderEliminar
  10. @Cesinha
    Penso que qualquer homem gosta de ser tratado assim, e só pode dar o mesmo em troca :p

    ResponderEliminar
  11. @Francisco
    Tens que arranjar um que te ame. E de certeza que acorda e te acorda para te dizer isso e muito mais.

    ResponderEliminar
  12. @pinguim
    Também penso como tu. Por isso fico perplexo quando oiço estas coisas.

    ResponderEliminar
  13. Tenho pena que muita gente assim pense... troçar do amor dos outros com essa frieza... talvez mereçam mesmo estar sozinhas... hoje em dia elas já não são como antes... nem os homens...

    ResponderEliminar
  14. @NonSense
    Acho que mudámos todos. Uns para mellor. Outros para pior.

    ResponderEliminar
  15. Eu também já fui assim. Agora que tenho o hunk comigo, só fico todo derretido quando ele me diz ou faz coisas bonitas. *suspiro*

    E mai'nada!

    (E eu odeio ser lamechas!)

    ResponderEliminar
  16. O que podemos concluir... MAL AMADAS!

    ResponderEliminar
  17. 1º caso: Demasiado meloso. Mas de vez em quando, sabe bem. É bom saber que alguém está a pensar em nós enquanto dormimos, né?
    2º caso: Vou ter que concordar. Bebé?! Se fosse, lindo ou gostoso, agora bebé...
    3º caso: Ok, aí já exageram. É completamente normal isso de estar de mãos dadas e muito giro!

    ResponderEliminar
  18. @HOMOTOON
    Não sei se são mal amadas, se más amantes...

    ResponderEliminar
  19. @O Rapaz!
    Parece-me tudo perfeitamente normal quando dito ou feito no contexto adequado.
    Poderemos é dizer que não faremos isto ou aquilo.

    ResponderEliminar
  20. Ah sim isso parece mais um diálogo de ressabiadas do que propriamente uma troca de ideias sinceras. Toda a mulher gosta dessas coisas a menos que não saiba o que elas signifiquem, por amor da santa!
    E sim, elas estão cada vez piores, mas eles também portanto...

    ResponderEliminar
  21. pessoalmente e sempre que posso gosto de proporcionar momentos únicos a quem gosto, a quem amo...deixa-me feliz. Ele diz que é um bloco de gelo ao pé da brandura dos meus gestos e palavras...
    haja amor e gestos e momentos e partilha...fazem o mundo um lugar melhor para se viver.

    ResponderEliminar
  22. Eu sou tão lamechas que às vezes preciso de uma caixa de lenços comigo. É curioso como os papéis se inverteram, parece que agora há mais homens à procura de romantismo e mais mulheres desprovidas de sensibilidade afectiva.

    ResponderEliminar
  23. @Kim III
    Eu não gosto de generalizar as coisas dessa maneira, até porque conheço algumas mulheres que desarmariam qualquer romântico lamechas...
    E eu já fui mais choramingas...

    ResponderEliminar
  24. @Meia Noite e Um Quarto
    Essa atitude é muito bonita :)
    O Mundo precisa de homens assim :p

    ResponderEliminar
  25. @um coelho
    Temos de tudo hoje em dia.
    O que nos surpreende é ver que o Mundo mudou.

    ResponderEliminar